Tiger Woods e Dr. Fernando Marcondes: histórias de superação

*Não é porque os dois vitoriosos e heróis do Esporte estão envelhecidos que se parecem. Acima e abaixo da linha do Equador garanto que ambos têm histórias de superação em comum e conseguiram dar a volta por cima, cada um no seu ponto forte.

1 – Golfista Tiger Woods

No último dia 23 de setembro de 2018, o lendário golfista americano Tiger Woods consegue novamente se superar e provar para o mundo que ainda é um dos melhores golfistas já conhecidos. O antigo “número um” do ranking mundial e ganhador de 14 Grand Slams voltou a vencer um torneio, o Tour Championship – o quarto e último dos playoffs da FedEx Cup do PGA Tour de golfe, disputado no clube East Lake de Atlanta (Geórgia, Estados Unidos).

O mundo mudou bastante desde que Tiger venceu no circuito pela primeira vez, aos 20 anos de idade, no outono de 1996, porém o fascínio internacional por aquele golfista continua o mesmo. Talvez esta seja a última vez em que Tiger Woods tenha levantado o troféu de vencedor. Provavelmente, não é. De qualquer forma, o homem de camisa vermelha superou a NFL no domingo e, mais importante que isso, obteve um triunfo à moda do Tiger de antigamente como um homem novo e melhor. Um sinal de que o “tigre” é capaz de voltar a rugir?

2 – Dr. Fernando Marcondes

Agora, com quase 80 anos de idade, Dr. Fernando Marcondes não perdeu a paixão por esse esporte, após ter sonhado e realizado o projeto visionário de construção do primeiro e único campo de golfe da Ilha de Santa Catarina.

Apesar de todas as vicissitudes e contingências pelas quais passou, ele superou tudo e o sonho se tornou realidade. Atualmente, esse green é o lugar também onde se ensinam crianças carentes de oportunidades a aprender as regras da ‘Golf etiquette’ e a se tornarem futuras campeãs.

E na falta de campo de golfe público o Costão Golf, desde o início, tem disponibilizado para todas as crianças a abertura de treinamentos e convívio com golfistas profissionais.

3 – Os dois “heróis conhecidos”

Ambos os vencedores apostaram tudo no esporte do golfe e não se arrependeram, embora não gostem da mesma cor de camisa. Tiger Woods fez muitos holes in one durante os seus jogos, essa tacada perfeita é mais fácil de ser conseguida em buracos de “par 3”, já em buracos de “par 4 ou até 5”, é muito rara de acontecer.

O Dr. Fernando Marcondes também acertou muitas “tacadas perfeitas”, dentre elas a pancada que constitui um hole in one, ou seja, quando empreendeu o Costão Golf. Uma “tacada empresarial certeira” que, com certeza, vale também um hole in one. E a tradição do golfe manda que o jogador que fizer um hole-in-one deve bancar uma festança com seus amigos para comemorar. Curiosamente o negócio é levado tão a sério que seguradoras oferecem apólices para golfistas receosos de fazer um hole-in-one e, por causa da festa, acabar indo à falência!

Admiração e amizade contam com a graça alcançada pelos heróis. Desta feita, são “amadores golfistas” que se aproveitam, no melhor sentido, da feliz ocasião para enaltecer “um gigante visionário ” e confraternizar-se no mais alto estilo – à altura do seu pedestal ou castelo de realizações.

Viva o Dr. Fernando Marcondes! Viva o Tiger Woods!

*Francisco C. Duarte — Ph.D. in law, Procurador do Estado do Paraná aposentado, Professor titular de direito  aposentado e realizou, recentemente, na sede da PGA National (Professional Golf Association), em Palm Beach, pesquisa sobre a Etiquette do Golfe e Direito.

 

Disponível em: http://costaogolf.com.br/tiger-woods-e-dr-fernando-marcondes-historias-de-superacao/

Comments are closed.